domingo, julho 03, 2016

Para os lados e para trás

Fãs de Portugal e fãs ou Bayern Munique, o que têm em comum? Um grande sorriso, naturalmente. De um lado e do outro não houve quem não rejubilasse com o Polónia-Portugal. Os portugueses porque viram a equipa nacional qualificar-se para as meias-finais do Europeu ao cabo de 5 empates nos 90 minutos regulamentares - é obra! Os adeptos do Bayern Munique porque viram um jogo abrilhantado com dois lindos golos de jogadores dos seus quadros, - Lewandowski e Renato Sanches, o que também não deixa de ser obra. Mas obra do poder financeiro, convirá acrescentar. Os opulentos, no mesmo jogo, ainda voltaram a ver os mesmos contratados acertar com distinção nas redes quando chegou o momento do desempate através de grandes penalidades.

Ficaram os portugueses encantados com a boa fortuna que os vem acompanhando neste torneio - oxalá se venha a dizer que este foi um Campeonato da Europa atípico...- e ficaram os adeptos bávaros com a soberba reforçada tendo em conta o contributo efectivos das suas duas estrelas. No Portugal ideal, onde a clubite mete férias quando joga a Selecção Nacional, o voo triunfal de Rui Patrício bem poderia ter relançado o arraial de bandeiras às janelas no centro de Lisboa se no centro de Lisboa, no lugar de forasteiros. ainda vivessem portugueses.

Na Alemanha, no entanto, talvez por ser um país mais industrializado, a clubite nunca mete folga. Por isso, mesmo os adeptos do rival Borussia Dortmund ficaram destroçados com os golos de Lewandowski - um cepo de todo o tamanho - e de Renato Sanches - que só joga para os lados e para trás. Onde é que já se viu uma coisa destas?"


Fonte : Leonor Pinhão @ Record


Sem comentários: