sexta-feira, março 28, 2014

Rubens - o jardim do amor


O jardim do amor é um trabalho do artista Peter Paul Rubens, feito por volta de 1633, em que usa técnica de óleo em tela. A obra tem composição assimétrica; acentuado o contraste entre claro-escuro (visando intensificar a sensação de profundidade), luz em diagonal, colocando em foco o centro da obra, a presença de sombra e efeitos ilusionista, dando às vezes a impressão de ver o céu, tal a aparência de profundidade conseguida. 

Percebemos na obra linhas contorcidas dos corpos e pregas das roupas que criam movimento na cena, além do vestuário feminino com cores quentes, que é quebrado pelo vestido claro da mulher da direita, contrabalançam a luminosidade da pele clara das figuras humanas. A também um entrelaçamento entre os personagens participantes e das esculturas ao fundo, que são diferenciadas pela sensação de movimentos citado acima, são típicas da arte barroca. Na parte superior está Venus, sob a forma de estátua, cuja presença reforça a sugestão do amor.

A imagem nós dá a entender que o jardim, é o lugar onde as pessoas se apaixonam, através dos cupidos, que são representados pelos os anjos que estão espalhados por todos os lugares.

Fonte: http://greatpaulrubens.blogspot.pt/

Sem comentários: